Publicado em 03 de abril, 2015 as 15h37.

Senador manifesta preocupação com a violência no trânsito

Por Mariana Czerwonka.

Violência no trânsitoO senador Paulo Paim (PT-RS) disse que é preocupante a violência no trânsito que mata todos os anos 40 mil brasileiros nas vias e rodovias do país.

Ele citou especialistas da área que defendem mais investimentos em educação e também no fortalecimento da Polícia Rodoviária Federal (PRF) para que a instituição tenha mais condições de fiscalizar e punir motoristas alcoolizados, imprudentes e imperitos.

O tema foi discutido em audiência pública realizada na Comissão de Direitos Humanos, com a presença de especialistas do setor.

Paim disse que, conforme as Nações Unidas, o termo acidente não é a melhor palavra para definir acontecimentos no trânsito que resultam em vítimas. Esses eventos, disse o senador, são episódios de violência, pois acidente significa algo imprevisto e inevitável, o que, segundo frisou, não ocorre na maioria das mortes no trânsito.

Paim também chamou à responsabilidade o setor público, que não investe num trânsito mais civilizado:

— Duplicação e melhoria de vias deve ser uma prioridade, mas não é só isso. É preciso educação no trânsito, é preciso não ficar somente a depender dos veículos sobre rodas. Tem que voltar a investir no sistema ferroviário, nos metrôs, no uso de bicicletas com estrutura, ou seja, com faixa específica para aqueles que andam de bicicleta — disse o senador.

Com informações da Agência Senado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *