Publicado em 24 de dezembro, 2019 as 08h01.

Paraná lança novo sistema de boletim eletrônico de acidentes

Por Agência de Notícias.

Registro de acidentes de trânsito
Foto: Detran/PR

O Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) e a Polícia Militar apresentaram a nova versão do Sistema Bateu Urbano e o lançamento do novo Sistema Bateu Rodoviário.

A nova versão do sistema do Boletim de Acidente de Trânsito Eletrônico Unificado (Bateu) foi migrada para a plataforma do Paraná Inteligência Artificial (PIA), trazendo mais comodidade e segurança ao cidadão.

“A atualização do sistema e a integração com a Polícia Rodoviária Estadual é uma evolução tecnológica importante para atender as necessidades da população e também dos órgãos envolvidos, principalmente na área de estatísticas. E também para facilitar para o cidadão a inclusão dos registros”, disse o diretor-geral do Detran, Cesar Vinicius Kogut.

O novo sistema permite o acesso em qualquer momento a boletins registrados, podendo editar, modificar, e adicionar dados e fotos. O sistema Bateu Rodoviário permite o registro de acidentes sem vítimas ocorridos em rodovias estaduais, pela internet, o que facilita a vida do cidadão que não precisa mais se deslocar de cidade ou estado para fazer o boletim.

“A ferramenta simplifica o serviço para o cidadão, trazendo informações importantes dentro de um sistema mais intuitivo e responsivo para todos os navegadores e equipamentos. Esse é o foco”, disse o comandante do Batalhão de Polícia Rodoviária, tenente-coronel Olavo Vianei.

Outros Modais

Uma das novidades do sistema Bateu Urbano é o registro de boletins por usuários de bicicletas, patinetes e outros meios de transportes.

Segundo o diretor de operações do Detran e presidente do Conselho Estadual de Ciclomobilidade (ConCiclo), Mauro Celso Monteiro, os acidentes envolvendo ciclistas e outros meios de transporte aumentaram muito nos últimos anos. O Detran está trabalhando para que esses números diminuam, mas é preciso saber ao certo a melhor forma de se buscar a baixa desse índice. “O ConCiclo irá trabalhar em cima desses dados, elaborando campanhas e materiais específicos para o modal”, afirmou.

Como Funciona

Para utilizar o sistema Bateu, o cidadão do Paraná deve fazer o cadastro no PIA. Depois de registrar o Bateu para acidentes sem vítimas, ele receberá a guia de recolhimento por e-mail e, após o pagamento, o boletim também será encaminhado automaticamente para o seu e-mail.

Para pessoas de outro Estado, basta ter o número de CPF, endereço de e-mail e um número de celular para o cadastro na página da Central de Segurança.

As informações são da Agência de Notícias do Paraná

Uma resposta para “Paraná lança novo sistema de boletim eletrônico de acidentes”

  1. ligeirinhopr disse:

    Tudo para melhorar a vida do cidadão, agora a saber e o preço de BO não foi mencionado, contínua aquele preço absurdo de mais 70,00.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *