Publicado em 28 de novembro, 2013 as 08h30.

Mapa da Violência 2013 – Acidentes de Trânsito e Motocicletas

Por Mariana Czerwonka.

Violência com motocicletas

Entre 1980 e 2011, foram registrados perto de um milhão de óbitos nos diversos tipos de acidentes de trânsito acontecidos no país. O SIM/MS contabilizou, nesse período, exatas 98 0.838 mortes em acidentes nas vias públicas.

Nos anos finais da década de 90, registra-se uma inflexão na evolução da mortalidade por acidentes de trânsito que permite caracterizar três grandes períodos. Até 1997, o SIM registra fortes aumentos no número de mortes, principalmente entre 1993 e 1997. A partir do novo Código de Trânsito, promulgado em setembro de 1997, e até o ano 2000, os números caem com o rigor do novo estatuto e as campanhas que gerou. Mas, a partir do ano 2000, é possível observar novos e marcados incrementos, da ordem de 4,8% ao ano, fazendo com que os quantitativos retornassem , já em 2005, ao patamar de 1997, para continuar depois crescendo de forma contínua e sistemática.

Já em 2010, o SIM registra perto de 43 mil mortes no trânsito, superado a seguir com os números de 2011. E o mais preocupante do caso é que a tendência evidente na série a partir do ano 2000 é de continuar crescendo com um ritmo elevado: 3,7% ao ano em média.

Veja o estudo completo do Centro Brasileiro de Estudos Latino-Americanos (CEBELA).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *