Publicado em 31 de dezembro, 2018 as 13h55.

As boas práticas da direção defensiva

Por Artigo.

Thales Kroth de Souza*

Direção defensiva
Foto: Arquivo Tecnodata.

Ninguém está livre de sofrer um acidente de trânsito ou visualizar um, e então, lá se vão algumas dicas do que é necessário fazer em perigo, ou defender-se e salvar a outros:

– Manter a calma; por mais que seja difícil pela gravidade da situação, a calma é a primeira coisa a ser feita e alertada a outras pessoas se possível. O ser humano é incrível pela consciência, capacidade de reflexão e de proteção, em um momento como esse e para a segurança de todos, fique calmo.

– Ser um motorista consciente; o sentido aqui é referente a estar atento as atualizações do trânsito, manter o veículo limpo e em boa conservação para sua saúde e a de outros, dirigir de forma a trazer um fluxo razoável, ser protagonista das boas práticas de direção defensiva, assim, saber ou obter conhecimentos necessários para que isso ocorra.

– Buscar a antecipação das condições climáticas; se o tempo será de chuva ou sol, a prevenção é de realizar uma viagem segura e confiável. Se chover, ou houver neblina na pista, fumaça, granizo, neve, acidentes, diminuir a velocidade, prestar atenção aos sinais para seguir o fluxo, caso necessário, parar o veículo em local indicado além de algum acidente e ligar para autoridades para ajudar quem precisa, esse é um gesto humano que faz toda a diferença.

– Atenção aos passageiros; verificar se todos estão com cinto de segurança, incluindo também crianças com cadeirinhas e bebê conforto conforme a idade, garantindo segurança a quem ama ou a vida humana, isso mostra respeito e atenção ao trânsito seguro.

Talvez essas palavras não sejam o suficiente para quem deseja uma ação efetiva ou maior controle de sua segurança e dos demais, mas com poucas atitudes e melhoramento de hábitos as vias podem se tornar cada vez mais um local para práticas cada vez mais colaborativas.

*Thales Kroth de Souza é Graduando em Gestão Financeira e Administração pela Unisinos.

* Os artigos são de responsabilidade de seus autores e não expressam, necessariamente, a opinião do Portal do Trânsito. 

* Quer publicar seu artigo no Portal do Trânsito? Envie um e-mail para contato@portaldotransito.com.br

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *