Publicado em 26 de março, 2017 as 16h43.

Mesa de debates do Congresso AND aborda o papel da sociedade em defesa da vida

Por Mariana Czerwonka.

Os participantes do Congresso AND 2015, que aconteceu em Foz do Iguaçu, tiveram uma oportunidade única de discutir o papel da sociedade em defesa da vida no trânsito. De acordo com especialistas, 90% dos acidentes podem ser prevenidos, e isso depende basicamente do comportamento de todos os envolvidos no sistema trânsito.

Como fazer para que cada um, seja pedestre, ciclista, condutor, motociclista ou motorista profissional assuma suas responsabilidades e contribua com a diminuição dos índices alarmantes da violência no trânsito brasileiro, foi o tema de uma das Mesas debatedoras apresentadas no Congresso.

Assista as palestras sobre o tema:

O mediador Jairo Motta, coordenador do Registro Nacional de Condutores Habilitados (RENACH), afirmou que o poder emana do povo e que a sociedade deve participar com sugestões e melhorias no trânsito.

Márcia Pontes, consultora especialista em planejamento estratégico e segurança no trânsito, apresentou seu projeto chamado Diretrizes e Bases de um programa de humanização e prevenção de acidentes para o trânsito em Blumenau. Assista abaixo, na íntegra.

Para Roberta Torres, especialista em segurança e educação no trânsito, o trânsito é um grande problema de saúde pública e é necessário parar e refletir sobre qual é a responsabilidade de cada um nesse espaço. Assista!

Celso Alves Mariano, especialista em trânsito, diretor do Portal e da Tecnodata Educacional, mostra exemplos de como a comunidade pode exercer a cidadania e influenciar na segurança do trânsito. Veja a palestra na íntegra.

O debate mostrou que é possível mudar a realidade trágica do nosso trânsito, basta olhar para si mesmo e transformar pequenas atitudes no dia a dia erradicando comportamentos que levem a situações de risco. Assista na íntegra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *