Publicado em 14 de novembro, 2018 as 15h21.

Espaço do aluno: dicas de direção defensiva para quem está aprendendo a dirigir

Por
Tênis para dirigir
Foto: Arquivo Portal do Trânsito.

Dirigir é um ato de extrema reponsabilidade. Nem sempre os futuros condutores têm essa consciência e um dos trabalhos dos instrutores nos Centros de Formação de Condutores (CFCs) é despertar o interesse dos alunos pela segurança no trânsito. Uma informação que a princípio parece banal, pode fazer a diferença no dia a dia do futuro condutor: a escolha do tipo de calçado para dirigir. Além de respeitar o que diz o Código de Trânsito Brasileiro, é preciso analisar se o sapato é confortável e seguro para dirigir.

Segundo o Art. 252 do Código de Trânsito Brasileiro dirigir usando calçados que não se firmem nos pés ou que comprometa a utilização dos pedais é infração média, com multa de R$ 130,16 e acréscimo de 4 pontos na CNH.

Para não ser surpreendido cometendo uma infração ou pior, colocando em risco a própria segurança e a dos demais é preciso descobrir o calçado correto para dirigir e para isso, é preciso observar as características dos tipos de sapatos.

Chinelos e rasteiras, por exemplo, são totalmente proibidos pelo CTB, pois ficam soltos nos pés. Sapatos de plataforma e os de salto alto podem enroscar e por esse motivo são considerados impróprios, pois comprometem a utilização dos pedais. Os tamancos também podem ser incluídos nesses casos.

O melhor, e mais seguro, para dirigir são sapatos sem salto, que fiquem bem fixados aos pés e que não atrapalham os pedais.

Os homens também devem tomar cuidado na hora de escolher o calçado. Alguns sapatos masculinos podem ser um problema em dias de chuva, pois tem um solado muito liso e podem escorregar nos pedais. Por esse motivo, é melhor procurar uma sola antiderrapante. Tênis também são permitidos.

Outra dúvida comum é se é permitido dirigir descalço. Não há nada no CTB que proíba, mas muitos especialistas não recomendam.

O futuro condutor pode usar qualquer tipo de calçado, mas é importante deixar um dentro do veículo que seja o melhor para dirigir. Isso pode parecer frescura, mas não é. A escolha do calçado correto pode ser a escolha entre um acidente ou não. Prevenir é sempre melhor que remediar!