Publicado em 13 de junho, 2018 as 14h30.

Dicas para o administrador: motivação no CFC

Por
Motivação no CFC
Foto: Pixabay.com

A motivação é um processo individual interno e fruto do crescimento pessoal de cada um. As pessoas se motivam de uma forma diferente, mas algumas premissas e características se igualam. A grande maioria, porém, se motiva com a possibilidade de ver os seus sonhos realizados.

Essas realizações são influenciadas por palavras ou gestos, pelo reconhecimento de um trabalho bem feito, por um elogio, pela possibilidade de crescimento profissional, por uma palavra de compreensão e carinho, pela importância dada a pessoa dentro da equipe, entre outros. Por isso, é importante que o administrador do Centro de Formação de Condutores (CFC) enxergue seus colaboradores atento às particularidades de cada um.

O CFC é um todo, formado pela somatória individual de ideias, sentimentos, sonhos, angústias, expectativas e realizações. É na harmonia dessas emoções que o gestor conseguirá um ambiente profissional de qualidade.

Por essas razões, o maior investimento do CFC deve estar nos colaboradores: atendentes, instrutores, diretores, pois são eles que estão à frente do negócio e têm o poder de fazer ou não fazer algo, em fazer tudo ou só uma parte, em fazer correto ou mais ou menos, em fazer agora ou depois.

Uma grande ideia de um administrador pode falhar se a equipe não estiver motivada, envolvida e se sentir corresponsável pelo seu sucesso.

Por isso os desafios de um administrador de CFC são:

  • ser capaz de reconhecer as necessidades individuais de sua equipe.
  • ser capaz de aperfeiçoar seus conhecimentos por meio de relações interpessoais mais harmoniosas.
  • motivar a equipe para resultados mais satisfatórios.
  • automotivar-se diante de insistentes questionamentos e obstáculos que o mercado oferece.
A motivação é, sem dúvida, fator primordial para o sucesso de qualquer empresa, inclusive de um CFC. Coloque em prática!