Publicado em 28 de agosto, 2015 as 10h36.

Condutores são pegos na Lei Seca, mas não tem CNH suspensa

Por Mariana Czerwonka.

Lei Seca e a puniçãoA impunidade, sempre ela. Li uma notícia ontem no Jornal O Globo que me deixou assustada. Dos 26.124 motoristas pegos dirigindo alcoolizados entre 2009 e 2010 no Rio de Janeiro, nenhum teve aberto o processo de suspensão do direito de dirigir. Essa informação só foi descoberta, segundo o jornal, após o empresário Ivo Nascimento Pitanguy ter atropelado e matado na Gávea, na última quinta-feira, o operário José Ferreira da Silva. Apesar de ter 70 multas, 13 delas por embriaguez ao volante, o motorista continuava com sua habilitação válida.

Apesar de absurda, infelizmente, essa é uma situação muito comum em vários estados do País. Certos da impunidade, os motoristas continuam bebendo e dirigindo, e o pior, colocando em risco a própria vida e a dos demais usuários do trânsito. De acordo com a lei, todo motorista flagrado alcoolizado ao volante deve ter a carteira recolhida, e o Detran tem que abrir um processo de suspensão do documento.

Muitos questionam a nossa legislação, há inúmeros projetos no Congresso que pedem mais rigor nas penas por esse tipo de crime, mas acredito sinceramente que isso não é preciso. O que é preciso é colocar em prática o que já diz a lei. Fiscalizar e punir mais. O problema não é a punição, é a falta dela.

Parece que falta estrutura em todos os órgãos, tanto os executivos como os fiscalizadores. A bagunça vem lá de cima. É preciso organizar o Sistema. Investir em aperfeiçoar esses processos e talvez até aumentar efetivos. O que não dá é para aceitar essa omissão dos Detrans.

Quanto menos punição mais histórias como as do empresário Ivo Nascimento Pitanguy, do ex-deputado Carli Filho, etc ouviremos por aí.

É por essas e outras que nosso País não vai para frente!

* O Detran/RJ publicou ontem (27) uma relação de 7.997 CPFs de motoristas que, por terem sido flagrados em ações da Operação Lei Seca, responderão a processo de suspensão da Carteira Nacional de Habilitação. Segundo a nota, o Detran está providenciando uma ampla modernização do sistema, a fim de impedir que os maus condutores continuem a circular nas ruas.