Publicado em 22 de outubro, 2018 as 08h29.

Seu carro já recebe suas encomendas?

Por Rodrigo Vargas de Souza.

Quem nasceu em meados das décadas de 70 ou 80, assim como eu, deve lembrar de um antigo desenho animado que passava na televisão todas as manhãs, chamado Os Jetsons, que contava as aventuras de uma família futurista, com direito a carros voadores, cidades suspensas, trabalho automatizado, toda sorte de aparelhos eletrodomésticos e de entretenimento, robôs como criados, e tudo mais o que se dê para se imaginar do futuro.

E falando em robôs criados, como não lembrar do clássico O Homem Bicentenário, uma comédia dramática de ficção científica, lançada no final dos anos 90 e estrelada pelo grande Robin Williams. O enredo, basicamente, conta a história do robô Andrew, que é adquirido por uma família para executar todo o tipo de afazeres domésticos, e sua incessante busca por liberdade.

Enquanto o futuro não chega e não podemos contar (ainda) com robôs, como a Rosie, empregada dos Jetsons, ou como o Andrew, de O Homem Bicentenário, para os afazeres diários, como, por exemplo, receber encomendas enquanto estamos fora, a gigante norte americana do mercado de vendas online, Amazon, resolveu dar uma forcinha. Além do Amazon Locker já conhecido nos Estados Unidos, serviços de entrega em armários públicos, e do Amazon Key, serviço que entrega sua encomenda dentro da sua casa através de trancas eletrônicas interligadas via aplicativo monitorados por câmera, a empresa recentemente inovou mais uma vez no que diz respeito à tecnologia em entrega de encomendas. Sendo que os veículos, atualmente, em função das tecnologias embarcadas, são o mais próximo que temos de robôs em casa, a empresa pensou: “por que não utilizá-los para receber nossas encomendas?”

E a partir dessa ideia, criaram o Amazon Key In-Car, um serviço que possibilita a abertura remota do porta-malas do veículo via App, que avisa na hora em que a encomenda estiver a caminho e também quando foi entregue, e o veículo já está trancado novamente, com toda a segurança. Essa novidade ainda é exclusividade de donos dos modelos mais novos de carros da GM ou Volvo (todos os equipados com as tecnologias OnStar e Volvo On Call) nos Estados Unidos.

Aqui no Brasil ainda me parece difícil imaginar um sistema de entregas como esse funcionando, você concorda? Ainda estou esperando os Correios entregarem meu presente de natal do ano passado…