Publicado em 11 de agosto, 2017 as 08h27.

Detran Paraná cede questões de provas para Santa Catarina

Por Assessoria de Imprensa.

Prova do Detran
O Paraná também foi modelo para outros Estados, como Pernambuco e São Paulo. Foto: Detran/PR

O Departamento Estadual de Trânsito de Santa Catarina vai usar questões desenvolvidas pelo Detran Paraná no exame teórico de direção dos candidatos à primeira habilitação e à mudança de categoria de CNH. A parceria que surgiu de uma solicitação da autarquia catarinense é um reconhecimento ao trabalho de atualização constante do conteúdo da prova.

“O exame teórico realizado no Paraná tem se tornado modelo no país pela modernidade, seriedade e qualidade exigidas. Em todo o Estado a prova já é feita de maneira completamente eletrônica, com sorteio aleatório das perguntas. O conteúdo é revisado com frequência, considerando as alterações na legislação e as mudanças de comportamento da sociedade”, explica o diretor-geral do Detran PR, Marcos Traad.

A última reformulação no banco de questões paranaense foi em novembro de 2016, em decorrência da vigência da Lei 13.281, que fez uma série de mudanças no Código de Trânsito Brasileiro. “Fizemos uma pesquisa e análise técnica e percebemos que o banco de questões do Detran Paraná é uma referência nacional. Com acesso aos dados paranaense aperfeiçoamos muito esse processo para atender uma média de 8 mil candidatos por mês no exame teórico de direção”, diz o diretor-presidente do Detran SC, Vanderlei Rosso.

Modelo

O Paraná também foi modelo para outros Estados, como Pernambuco e São Paulo. Em 2014, o Detran pernambucano se inspirou na inclusão obrigatória de questões sobre ciclistas nas provas teóricas de direção. Já o Detran paulista usou as perguntas paranaenses em 2011 como base na construção de seu banco de dados.

“As provas do Detran Paraná são geradas com base em um banco de dados que tem hoje 1,8 mil questões. Deste total, 666 foram criadas e atualizadas pela nossa equipe e o restante vem da base do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran)”, conta o coordenador de Habilitação, Farid Gelasco.

As informações são da Assessoria de Comunicação do Detran/PR