Publicado em 13 de junho, 2017 as 15h07.

Dicas para uma viagem mais segura no feriadão

Por Mariana Czerwonka.

Viagem de feriado
Antes de pegar a estrada é preciso fazer uma revisão no veículo e checar se os documentos, do condutor e do veículo, estão em ordem. Foto: Arquivo Tecnodata.

Esse ano o feriado de Corpus Christi cairá na quinta-feira (15) e muitos não conseguirão escapar do trabalho na sexta, por esse motivo a expectativa é de movimento menos intenso do que o registrado nas estradas durante a Páscoa.

Para evitar surpresas, porém, a orientação é de que se evite o período entre o final da tarde e o começo da noite para viajar — tanto na ida, quanto na volta. Além disso, é preciso fazer uma revisão no veículo para verificar itens de segurança, checar se os documentos do condutor e do veículo estão em ordem, dirigir com cuidado e respeitar a sinalização de trânsito.

Veja, a seguir, outras dicas do Portal do Trânsito.

Cinto de segurança 

Deve ser utilizado por todos os ocupantes do veículo, inclusive no banco de trás. Crianças menores de sete anos e meio, devem, além do cinto, utilizar sistema de retenção equivalente ao seu peso e idade.

Bagagem

Não é recomendável levar os veículos excessivamente carregados, pois isso afeta diretamente a forma de efetuar manobras. Além disso, pode reduzir a visibilidade do motorista e aumentar as distâncias de frenagem.

Distração

Para os que viajam com passageiros, a atenção deve ser redobrada. Mesmo não sendo uma tarefa fácil, o condutor não deve permitir que as pessoas desviem a sua atenção. A uma velocidade de 100 km/h um automóvel percorre cerca de 30 metros por segundo. Por esse motivo, desviar o olhar e a atenção do trânsito pode ser fatal.

Animais de estimação

Não é permitido, e também nada seguro, transportar animais soltos nos veículos. O ideal é transportá-lo em caixas especiais (bem ventiladas) ou cinto próprio para o animal. Numa situação de manobra inesperada, por exemplo, não só o animal pode se ferir como os demais passageiros.

Calibragem dos pneus

Estudos europeus apontam que um em cada seis acidentes causados por falta de manutenção, acontecem devido a pneus calibrados incorretamente. Pressões incorretas, principalmente abaixo do normal, causam desgaste prematuro e desestabilizam o veículo. Se o veículo está carregado, com passageiro e bagagem, devemos aumentar a pressão nos pneus. O correto é aferir a pressão dos pneus quando estes estiverem “frios”.

No tópico: Dicas