Publicado em 06 de novembro, 2017 as 08h12.

Celso Mariano recebe a deputada federal Christiane Yared para uma conversa sobre violência e impunidade no trânsito

Por Mariana Czerwonka.

Para quem não se recorda da história, Christiane perdeu o filho em um acidente de trânsito ocorrido em 07 de maio de 2009. Gilmar Rafael Yared, 26, e Carlos Murilo de Almeida, 20, voltavam de um shopping e seguiam em um Honda Fit branco. No outro veiculo, Fernando Ribas Carli Filho, 26, na época deputado estadual, havia saído de um restaurante e estava alcoolizado. Carli Filho estava no Passat SW preto e dirigia com a carteira de habilitação suspensa. Com 24 multas por excesso de velocidade, 5 delas na rua do crime que tem velocidade máxima permitida de 60 km por hora. Até hoje o ex-deputado não foi julgado.

Depois disso, Christiane Yared abraçou a causa e levantou a bandeira do fim da impunidade e da violência no trânsito, inclusive sendo a deputada mais votada no Paraná.

“Um país que não pune, automaticamente, não educa. Nós queremos que a punição venha com um cunho educativo, que mude comportamento”, afirmou Yared.

Assista a conversa na íntegra.