Publicado em 02 de maio, 2016 as 15h17.

Campanha Maio Amarelo tem início com o apoio do Portal do Trânsito

Por Mariana Czerwonka.

Maio Amarelo
Desde o início, o Portal do Trânsito aderiu ao movimento.

O Movimento Maio Amarelo nasceu com a proposta de chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo.

O objetivo do movimento é uma ação coordenada entre o Poder Público e a sociedade civil. A intenção é colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada para, fugindo das falácias cotidianas e costumeiras, efetivamente discutir o tema, engajar-se em ações e propagar o conhecimento, abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige, nas mais diferentes esferas.

Esse ano uma das novidades do movimento é a Campanha #EuSou+1 por um trânsito mais humano. Segundo os seus criadores, essa mobilização faz convite à sociedade para parar a epidemia de mortes no trânsito, com peças nas redes sociais.

A campanha traz um forte apelo: “Somos 43 mil mortos no trânsito”. Essa epidemia precisa parar. Todas as peças trazem alguns dos números da violência no trânsito no Brasil, segundo o DataSUS em 2014. A proposta é evidenciar que as mortes precisam ser freadas e que cada um é responsável por mudar esse cenário.

Por isso, as peças fazem ainda um convite a todos os cidadãos: que cada um seja mais um por um trânsito mais seguro. Com a hastag “#eusou+1 por um trânsito mais humano”, o objetivo é que as pessoas possam personalizar suas páginas da rede social Facebook, adotando o twibbon nas fotos de capa e de perfil, com esse slogan.

De acordo com a Tao Criativo, a agência paulistana que desenvolveu a campanha, busca-se ainda um convencimento social de que assim como quase todos os problemas de caráter coletivo, são pouco aceitos individualmente; com o trânsito, a situação não é diferente. “Costumamos a achar que fazemos tudo certo e enquanto isso os problemas prevalecem. É assim com a questão do lixo, com as epidemias que demandam conscientização social como a dengue, com o problema de escassez da água, quando delegamos a economia ao governo e não a praticamos”.

Para participar não tem segredo, basta acessar o site www.maioamarelo.com  e clicar para compartilhar, não tem segredo. No twitter e facebook, basta adicionar a campanha e efetivamente mudar seu comportamento no trânsito.

Apoio do Portal do Trânsito

Desde o início, o Portal do Trânsito aderiu ao movimento apoiando e divulgando a ideia e seus objetivos principais. “Em março de 2010, a ONU definiu o período de 2011 a 2020 como a ‘Década de Ações para a Segurança no Trânsito’, com o intuito de reduzir a mortalidade no trânsito mundial. Todas as ações nesse sentido, como é o Maio Amarelo, são bem vindas e merecem o apoio de toda a sociedade”, explica Celso Alves Mariano, diretor do Portal do Trânsito.

No tópico: Comportamento