Publicado em 12 de setembro, 2017 as 14h01.

Detran/PR lança campanha sobre importância da faixa de pedestres

Por Agência de Notícias.

Cuidado com pedestres
O show em holografia acontece nesta terça-feira (12), às 18h30, na Rua XV de Novembro, esquina com a Rua Riachuelo, em Curitiba. Foto: Google Street View

O Detran (Departamento Estadual de Trânsito do Paraná) vai usar holografia e um moderno sistema de projeção para alertar sobre a importância da faixa de pedestres. A campanha “Show na Faixa” vai levar uma apresentação da rapper curitibana Karol Conká, de forma gratuita, para uma das principais ruas de Curitiba e permitir que o show continue, pelo celular, em realidade aumentada.

“Uma das nossas preocupações é falar com o público usando linguagens e formatos que realmente tenham impacto e causem algum tipo de reação, uma lembrança e até uma mudança de comportamento. Assim, para falar com o público jovem, é preciso inovar, pensar em formas diferentes de apresentar as mensagens de segurança no trânsito, que acabam sendo repetitivas”, diz o diretor-geral do Detran, Marcos Traad.

O show em holografia acontece nesta terça-feira (12), às 18h30, na Rua XV de Novembro, esquina com a Rua Riachuelo, em Curitiba. O local, conhecido pelo intenso fluxo de pedestres, recebeu uma estrutura especial, com uma tecnologia inédita no Brasil para que a imagem em três dimensões funcione em ambiente aberto.

O projeto começou a sair do papel em abril deste ano, após meses de pesquisa, e é produzida pela TIF Comunicação, com as produtoras Trunkshot, Jamute Audio e Tropkillaz, além do auxílio de profissionais da Feito A Casa de Construção, Lumen Connect Net e AudioVoice.

“Pesquisamos muito e todos os hologramas feitos até hoje foram feitos em estúdio, ou em cima de palcos. Esse é o primeiro que se origina direto de uma rua”, diz Fhabyo Matesick, da TIF. “Durante o processo foi preciso pensar desde a escolha do local e a sua enorme estrutura, passando pela definição do melhor tipo de projeção holográfica, como controlar o tráfego de pessoas e carros, com segurança”, acrescenta.

A escolha da rapper e apresentadora curitibana Karol Conka e da música também foram pensadas para chamar a atenção do público mais jovem. “O Show na Faixa é mais que uma campanha publicitária, é uma campanha de conteúdo. Tem música boa, clipe, experiência holográfica e interação em realidade aumentada. A mensagem é muito forte e fala como a vida pode acabar em um momento de desatenção ou pressa. Na voz da Karol Conká ela ganha identificação e é mais fácil de ser ouvida e compartilhada”, explica o fundador da TIF, Thiago Biazetto.

No celular

Para ampliar ainda mais a experiência da campanha, o Detran vai transformar a apresentação em um clipe, que será divulgado em diferentes plataformas voltadas para o público jovem. Entre elas, a plataforma Shazam. Uma parceria vai permitir escanear um código com o celular, diretamente de folders e mobiliários urbanos, e assistir a artista cantando em realidade aumentada diretamente pelo celular.

Preocupação

A escolha do tema da campanha e do público-alvo foi pensada no grande número de atropelamentos registrados no Estado. Dados do Sistema Digital de Dados Operacionais da Polícia Militar do Paraná e Corpo de Bombeiros mostram que no ano passado, no período de janeiro a abril, foram 1,3 mil pedestres atropelados. Atravessar fora da faixa é apontado pelo órgão como uma das principais causas destes acidentes.

“Nos últimos anos, o número de óbitos em atropelamentos apresentou um pequeno aumento, de 3,13%, no Estado. Em 2014, foram 128 mortes. Já em 2015, foram 132 pedestres fatalmente feridos. Durante o ano de 2016, foram 4.202 atropelamentos registrados, com 99 óbitos. Por isso a ação tem como objetivo conscientizar as pessoas sobre a importância de preservar a própria vida, indicando que um primeiro passo é atravessar as ruas sempre na faixa de pedestres”, lembra Marcos Traad.

As informações são da Agência de Notícias do Paraná